Agrishow faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Todas as maneiras de controle biológico no cultivo de cana

Todas as maneiras de controle biológico no cultivo de cana

A adoção do controle biológico pode ser um importante aliado do cultivo de cana em todo o Brasil. Porém, já são muitas as opções de controle biológicos disponíveis para essa cultura.

Por isso, Harley Nonato de Oliveira, pesquisador da Embrapa Agropecuária Oeste (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) faz algumas recomendações quanto ao tipo controle biológico mais eficiente em razão de cada tipo de praga.

Para o controle da broca-da-cana-de-açúcar, as formas de controle biológico mais importantes baseiam-se na utilização dos parasitoides Cotesia flavipes (Hymenoptera: Braconidae) e Trichogramma galloi (Hymenoptera: Trichogrammatidae)”.

Oliveira explica que o parasitoide larval C. flavipes é um dos maiores casos de sucesso de controle biológico no mundo, sendo largamente utilizado em plantios comerciais da cana-de-açúcar.

Já o parasitoide de ovos T. galloi é um dos mais estudados. Segundo o pesquisador esse parasitoide tem como grande vantagem o fato de controlar a praga antes da eclosão da lagarta.

Para o controle da cigarrinha no cultivo de cana, Oliveira explica que a principal alternativa é a utilização do fungo entomopatogênico Metarhizium anisopliae.

Importância no manejo de pragas no cultivo da cana

De fato, o controle biológico de pragas no cultivo de cana é fundamental para manter a produtividade, mas tão importante quanto isso é evitar ou minimizar o ataque das pragas à cultura, ou seja, é fundamental priorizar o Manejo Integrado de Pragas (MIP).

Para Oliveira, “o MIP procura preservar e incrementar os fatores de mortalidade natural da praga através do uso integrado de diferentes técnicas de controle, tais como o método mecânico, físico, cultural, legislativo, biológico, químico, etc.”.

Tais fatores são possíveis pois o Manejo Integrado de Pragas tem como componentes principais a diagnose, a tomada de decisão baseada em amostragens realizadas e o método de controle para aquela praga.

Esse manejo e essa associação entre métodos de controle é de fundamental importância para que se tenha sucesso na redução no nível de infestação de pragas em uma lavoura, caso da cana-de-açúcar”, comenta o pesquisador da Embrapa.

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar