Agrishow faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

shutterstock_1134863141.jpg

A era digital no agronegócio

O que demanda o mercado do agronegócio em termos de tecnologia? Ciência, inovação e capacitação. É inegável que a tecnologia tem tornado o dia a dia mais eficiente e facilitado, principalmente, a vida dos profissionais. O universo digital já está implantado nas máquinas agrícolas que já viraram robots e a instrumentação agropecuária em todas as cadeias produtivas marca um momento disruptivo.

O que demanda o mercado do agronegócio em termos de tecnologia? Ciência, inovação e capacitação. É inegável que a tecnologia tem tornado o dia a dia mais eficiente e facilitado, principalmente, a vida dos profissionais. A tecnologia opera a favor da produtividade. O universo digital já está implantado nas máquinas agrícolas que já viraram robots e a instrumentação agropecuária em todas as cadeias produtivas marca um momento disruptivo, veloz e generalizado, e que precisa ser assimilado imediatamente no país por empreendedores e também pelas cooperativas, as quais deveriam criar as startups da juventude cooperativista.

Participei do Simpósio Nacional de Instrumentação Agropecuária 2019 (SIAGRO), realizado pela Embrapa Instrumentação de São Carlos, no dia 05 de dezembro. Havia um painel diferenciado nesse evento, o qual fui moderador, que se chamava Investidores e Startups: Oportunidades no Agronegócio. Francesco Farrugia, presidente do Instituto Campus Party, uma associação civil sem fins lucrativos com o objetivo de incentivar e promover atividades e projetos nas áreas cultural, educacional, de inclusão digital, do desenvolvimento tecnológico e econômico, mostrou nesse painel que o empreendedorismo será o emprego do futuro.

A Agricultura 4.0 está em destaque, já não existe mais separação entre os mundos físico e virtual, e isso significa que cada vez mais é preciso investir em comunicação, gestão e softwares, o que auxilia na redução de desperdícios na pós-colheita, na área de controle biológico, manejo sustentável de solos e plantas.

Mas vale sempre lembrar que entre o 0 e o 1 continuará sempre existindo o infinito, portanto, a tecnologia digital está a serviço de um mundo cada vez mais analógico.

Quer saber mais sobre a digitalização do agro brasileiro? Baixe nosso material exclusivo e gratuito! 

Registre-se para fazer download desse recurso

Registrar-se como membro da Agrishow lhe dá acesso a conteúdo premium incluindo webinars, whitepapers e muito mais.

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar