Tendências

Especialistas listam todas as vantagens em usar Big Data na pecuária

A pecuária brasileira está ganhando uma nova ferramenta que promete revolucionar a forma como conduzimos a criação de gado: o “Big Data”, que gera e armazena um grande conjunto de dados. A tecnologia já trouxe avanços significativos para as lavouras.

Segundo o pesquisador da Embrapa Sudeste (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), Alberto Bernardi, o Big Data, dentro do conceito de IoT (Internet das Coisas), pode ser usado nas seguintes atividades dentro da fazenda:

  • Interligar e configurar identificadores eletrônicos de animais, sensores individuais e ambientais;
  • Gerenciar equipamentos inteligentes (como alimentadores, controladores de ambiente), e;
  • Possibilitar que os técnicos e especialistas extraiam muitas informações de produtividade.

Bernardi indica ainda que o uso do Big Data na pecuária possibilita a criação de uma infraestrutura de armazenamento, processamento e analise de grandes volumes de dados nas nuvens, que por sua vez, garantirão vantagens competitivas às empresas pecuárias.

Para pesquisador da Embrapa Gado de Corte, Guilherme Cunha Malafaia, as vantagens diretas serão observadas através da adoção de programas e aplicativos que auxiliam na tomada de decisão. Já de forma indireta, o Big Data ajudará nas pesquisas científicas que incorporam melhoramentos em insumos e matérias primas e, tecnologia embarcada em equipamentos pelo uso da Internet das coisas e robotização.

Além dos benefícios para as atividades na fazenda, O Big Data garante também maior competitividade para as empresas pecuárias, proporcionando maior valor agregado na definição de suas estratégias. Dentre essas vantagens competitivas Malafaia ressalta:

  1. Melhor análise de dados:buscando melhorar substancialmente a tomada de decisão dentro da empresa, minimizando assim, seu risco. “Algumas organizações já estão otimizando suas decisões, analisando dados de clientes, funcionários ou mesmo sensores incorporados nos produtos”, explica.
  2. Auxilia na avaliação dos produtos:a análise de dados possibilita a obtenção de informações valiosas que permitem criar novos produtos ou formas de comercialização”, diz Malafaia.
  3. Maior segmentação de clientes para personalizar ações:com o Big Data, as empresas podem segmentar seus serviços e atender às necessidades de seus consumidores de forma mais específica”, garante o pesquisador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *